Offline
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/2724/slider/4490a8987055711500c6c91970a394c2.jpg
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/2724/slider/21da13e19d58999de520b287d7a0848d.jpg
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/2724/slider/21e53e4d12c745dcc05f50fad4872351.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/2724/slider/28c89c2f38a9c7bb62366aaa6dc0a6a9.jpg
Lancha afunda em praia de Santa Rita e deixa uma pessoa morta
31/05/2024 07:49 em Novidades

Uma lancha de passeio afundou na tarde desta quinta-feira 30 na praia de Santa Rita, na Grande Natal, resultando na morte de uma pessoa e deixando outras duas desaparecidas até às 19h50 desta quinta, conforme confirmado pela Marinha do Brasil. A Marinha relatou que seis pessoas estavam a bordo da embarcação no momento do acidente, das quais três foram resgatadas em bom estado de saúde. A quarta pessoa resgatada, cujo nome e causa da morte não foram divulgados, não sobreviveu. Os dois tripulantes restantes estavam desaparecidos no mar, desencadeando uma operação de busca e salvamento coordenada pela Marinha do Brasil em conjunto com o Corpo de Bombeiros. Porém, os tripulantes foram encontrados e estão em boas condições de saúde. Além disso, medidas adicionais foram tomadas pela Marinha para alertar a comunidade marítima e ampliar a divulgação sobre o incidente, incluindo a emissão de um Aviso aos Navegantes. Até as 20h desta quinta-feira, as equipes continuaram as operações de busca. A causa do afundamento da embarcação ainda não foi determinada pela Marinha do Brasil. O acidente ocorreu na praia de Santa Rita, situada no município de Extremoz, no litoral Norte do estado.

 

A Marinha emitiu duas notas para esclarecer a situação. Confira na integra:

A Marinha do Brasil (MB) informa que tomou conhecimento do naufrágio, ocorrido na
tarde de hoje (30), de uma lancha, nas proximidades da Praia de Santa Rita, situada ao norte da
capital potiguar. Dos seis tripulantes que estavam a bordo, quatro foram resgatados. Três deles
encontram-se em boas condições de saúde e um veio a óbito.

De imediato, a MB iniciou uma Operação de Busca e Salvamento, coordenada pelo
SALVAMAR NORDESTE, empregando meios e pessoal da Capitania dos Portos do Rio Grande do
Norte, com o apoio do Corpo de Bombeiros do RN, na realização das buscas pelos dois tripulantes
desaparecidos.

Adicionalmente, foi emitido Aviso aos Navegantes e realizado contato com a comunidade
marítima, a fim de ampliar a divulgação sobre o ocorrido e alertar todas as embarcações que estejam
navegando em áreas próximas ao desaparecimento para apoiar nas buscas.

E logo após, enviou outra nota:

A Marinha do Brasil (MB) informa que, ainda na noite de hoje (30), os dois tripulantes que
estavam desaparecidos após o naufrágio da Lancha “Austin”, ocorrido nas proximidades da Praia de
Santa Rita, foram resgatados e encontram-se em boas condições de saúde. 
Durante a Operação, a MB empregou todos os esforços de Busca e Salvamento, envolvendo meios e pessoal, com o apoio do Corpo de Bombeiros do RN e da comunidade marítima, com a participação das embarcações “Miami” e “Inevitável”. Um inquérito administrativo será instaurado para apurar causas e circunstâncias do ocorrido. A Marinha reforça que disponibiliza o telefone 185 para comunicação de emergências

marítimas, fluviais e pedidos de auxílio e destaca que mantém escuta permanente do Canal 16 (VHF),
destinado ao Serviço Móvel Marítimo
.

COMENTÁRIOS