Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Brasil x Colômbia: o que esperar da Seleção de Tite no primeiro amistoso depois da Copa América
06/09/2019 06:21 em Novidades

Com nove titulares que atuaram na final da Copa América, há dois meses, a seleção brasileira volta a campo no primeiro amistoso da data Fifa de setembro. O jogo contra a Colômbia, no estádio do Miami Dolphins, nesta noite de sexta-feira, às 21h30 – horário de Brasília –, marca o retorno de Neymar e a continuação dos ajustes que o treinador busca para uma nova formação.

A base do Brasil tem no papel Casemiro e Arthur lado a lado, Neymar, no lugar de Everton, e Richarlison, na vaga de Gabriel Jesus, com Coutinho pelo meio, mais Firmino à frente. Mas o posicionamento é um pouco diferente. Com a bola, Tite quer Firmino mais recuado, como mais um homem de meio de campo. A intenção é abrir as laterais para os avanços de Neymar e Richarlison pelas pontas.

A partida tem transmissão da TV Globo, do SporTV e do GloboEsporte.com – a partir das 21h.

Com seis substituições permitidas, Tite deve fazer alterações no segundo tempo. Mas não se deve esperar muitas e rápidas mexidas na estrutura da equipe. A intenção é entrosar o setor ofensivo, dar automação aos movimentos e, como disse Tite, polimento no ataque.

 

– Hoje jogamos numa composição com quatro no meio de campo. O quarto homem é o Firmino. É um desenho diferente do que tinha antes. Essa construção exige tempo até coordenar, desenvolver a criatividade, explorar os flancos como quero. Para cada um acompanhar o raciocínio do outro, facilitar a possibilidade entre eles – comentou Tite.

 

Brasil x Colômbia

 

Local: Miami (EUA), estádio do Miami Dolphins

Horário: 21h30 (Brasília). 20h30 de Miami

Brasil: Ederson, Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva, Alex Sandro; Casemiro, Arthur, Philippe Coutinho; Richarlison, Neymar e Roberto Firmino. Técnico: Tite.

Colômbia: David Ospina; Stefan Medina, Davinson Sánchez, Yerry Mina, William Tesillo; Wilmar Barrios, Matheus Uribe, Juan Guillermo Cuadrado; Luis Muriel, Duvan Zapata y Luis Díaz. Técnico: Carlos Queiroz.

Arbitragem: o trio de arbitragem é americano. Ismail Elfath apita, auxiliado por Corey Parker e Adam Wienckowski.

 

globoesporte

COMENTÁRIOS